sábado, 2 de janeiro de 2016

Arraial do Cabo

  






Um dia após romper o ano de 2016, eu e uma galera muito animada fomos conhecer um pouquinho de Arraial do Cabo. Gente, que sonho, que cidade, que mar, que cores, que clima! Eu fiquei apaixonada por tudo em Arraial. Menos pelos preços, é claro ($$$$$$$).
Acordamos cedinho porque sabemos que em alta temporada, tudo lá em Região dos Lagos fica muito cheio, principalmente a cidade de destino. Saímos de casa por volta das 07h30 da manhã acreditando pegar uma estrada livre de engarramentos. E assim foi, até chegarmos à metade do caminho após a entrada de Arraial. Todo mundo deve gostar muito mesmo deste lugar. Como enche! Um leve congestionamento por alguns minutos e então chegamos na entrada da subida para a praia do Pontal do Atalaia. Sobre a subida em uma palavra: aventura. Total. As subidas eram delirantes e algumas vezes íngremes a ponto de, sério!, você não conseguir ver o chão a frente e ter a sensação de que está em um precipício e que o carro vai cair no mar. Estacionamos o carro na metade, em um lindo mirante. Tiramos fotos, filmamos, ficamos estasiados com tamanha beleza e um mega gostinho de quero mais. Voltamos para o carro e seguimos para o nosso destino: a praia do pontal do Atalaia. Praticamente atravessamos para o outro lado da montanha. Enquanto fazíamos o percurso, a vista ia ficando mais bonita. Uma breve apreciada na praia do Anjos que fica bem no pé da subida da montanha. Logo, torna-se um vista completa da praia e dos barquinhos bem pequenininhos. Estávamos muito, muito, muito lá em cima. Adrenalina, medo e fotos, claro. Após longos minutos de subida, conseguimos estacionar. Caminhamos por uns 20 minutos até chegarmos à escadaria que nos leva à praia. Estava lotado lá, mas não havia como voltar e escolher outra praia. Todo o percurso que fizemos desde que entramos em Arraial foi de aproximadamente uma hora e meia. Esticamos nossas cangas e deixamos nossos pertences na areia. A água estava insuportavelmente gelada, chegava a doer o corpo. Mas valeu a pena. Eu amei a prainha do pontal e voltaria lá, com certeza. Super recomendo.

Dicas:
º Leve bebidas em um cooler; água, refrigerantes e sucos. Lá você fica restrito a comprar apenas nos quiosques ´que ficam na praia. Não existem opções além deles. Lembre-se: você estará do outro lado da montanha.
º Se puder, leve alguma comida ou biscoitos. É sério:as coisas são bem caras e com poucas opções de cardápio.
º Não é fácil subir a pé toda a montanha. O percurso é indicado ser feito de carro.
º Tire muitas e muitas fotos, Arraial é um sonho.


 
 
 
 
 



Nenhum comentário:

Postar um comentário